The Urban
Lifestyle

Dicas

Caminho de Santiago de bicicleta
share this articleShare on Facebook0Google+1Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter

Caminho de Santiago de bicicleta

Realizar o Caminho de Santiago é uma viagem repleta de significado, onde se descobrem paisagens cheias de contrastes e um enorme património cultural e monumental. Quem faz o Caminho fala ainda na descoberta de tradições, do acolhimento familiar e do misticismo que tem levado milhões de pessoas até Compostela.

Embora a maioria prefira percorrer o Caminho de Santiago a pé, há inúmeras pessoas que optam pela oportunidade de o percorrer de bicicleta.

Preparação física:

Caminho de Santiago de bicicleta

Quando se escolhe realizar o caminho de Santiago de bicicleta é importante que haja uma preparação prévia, realizada com um mês de antecedência, com treinos diários onde se vai aumentando a dificuldade.

No caso dos ciclistas que não estão habituados a percorrer grandes distâncias deverão realizar uma preparação contínua e gradual de adaptação e trajetos por caminhos irregulares. Os ciclistas habituados a pedalar diariamente devem adaptar-se a trajetos mais difíceis e à carga dos alforges. De notar que conhecer a manutenção básica da nossa bicicleta é essencial para possíveis contratempos ao longo do caminho.

Antes de partirmos é necessária a obtenção do cartão europeu de saúde e é aconselhável a obtenção da “Credencial de Peregrino”: documento que nos identifica enquanto peregrinos e dá acesso aos albergues de peregrinos do Caminho de Santiago.

O que levar?

Caminho de Santiago de bicicleta

Quando planear a viagem tenha em atenção que o peso ideal a transportar são 8 quilos, logo leve o que é apenas necessário para si e para a manutenção da bicicleta.

Leve algumas mudas de roupa respiráveis e impermeáveis, adequadas à época do ano e para andar de bicicleta. Leve, também, um kit com o material indispensável para a sua higiene pessoal, um kit básico de primeiros socorros e medicamentos anti inflamatórios.

No caso da bicicleta, vai precisar de um kit com ferramentas úteis para manutenção e reparação de pequenos problemas. Um conjunto de chaves allen, um canivete suíço, espátulas, chave de correia e um kit de remendo para câmara são indispensáveis.

Durante a viagem:

Caminho de Santiago de bicicleta

Para evitar a fadiga e lesões prematuras é aconselhável que os primeiros dias correspondam a etapas mais curtas e com baixo grau de dificuldade. Não se esqueça que mesmo deve realizar paragens regulares para descansar e não deve saltar refeições. É importante um pequeno-almoço reforçado e refeições ricas em hidratos de carbono, pois são estes alimentos que lhe irão dar força para pedalar até ao objetivo final: Santiago de Compostela.

share this articleShare on Facebook0Google+1Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter