The Urban
Lifestyle

Bike Essentials

Mario_Meireles_Go_By_Bike
share this articleShare on Facebook0Google+0Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter

Mário Meireles vence prémio da Mobilidade em Bicicleta

O bracarense Mário Meireles, especialista na área da Sustentabilidade, acaba de ser galardoado com o Prémio Nacional da Mobilidade em Bicicleta, na categoria “Cidadania”. O prémio foi entregue pelo secretário-de-Estado da Mobilidade, Eduardo Pinheiro, precisamente na Semana Europeia da Mobilidade.

Ao “Correio do Minho”, o galardoado confessa o seu contentamento, sobretudo porque este prémio “é o reconhecimento do percurso que tenho vindo a fazer, quer ao nível do conhecimento da mobilidade em bicicleta – com um mestrado e um doutoramento quase concluído na área -, quer ao nível da promoção do uso da bicicleta na cidade de Braga”.

“Partilho este prémio com todos os meus colegas da Braga Ciclável que comigo fazem um coletivo que no dia-a-dia dispensam parte do seu tempo a incentivar políticas públicas em benefício dos cidadãos”, disse, indicando que para Braga este prémio “é também o reforço do reconhecimento da atividade meritória da Braga Ciclável”.

Refira-se que o Prémio Nacional da Mobilidade em Bicicleta reconhece publicamente o contributo de determinadas entidades/pessoas individuais que tenham promovido a utilização da bicicleta nas suas múltiplas vertentes.

“Entendo que a razão de ser galardoado, este ano, seja devido ao trabalho de promoção de utilização da bicicleta que tenho vindo a fazer na cidade de Braga e sinto que este é também um reconhecimento de 10 anos de trabalho voluntário em prol da defesa da utilização da bicicleta, sempre fundamentado no conhecimento”, frisou Mário Meireles.

Este não é o primeiro reconhecimento público que tem, uma vez que é Bicycle Mayor e pertence à lista de 100 oportunidades dos Global Shapers de Lisboa – que fazem parte do World Economic Forum (WEF), “mas este é o primeiro reconhecimento nacional que recebo das mãos de um membro do governo”, afirma, ostentando orgulho do caminho percorrido.

Acredita que a mobilidade vai mudar muito nos próximos 10 anos e, por isso, diz que “é preciso apostar não só no transporte público, mas sobretudo na bicicleta. Não se pode dissociar um do outro”, indica Meireles.

“Estou certo que com uma rede ciclável urbana, segura, conectada, nas principais avenidas da cidade, levará a que muitos bracarenses optem pela bicicleta em muitas das suas viagens diárias”, garante.

Texto retirado do jornal Correio do Minho.

share this articleShare on Facebook0Google+0Pin on Pinterest0Tweet about this on Twitter